Alicia is “HERE”! Finalmente, saiu o novo álbum de Alicia Keys! | Alicia Keys Brasil
Alicia is “HERE”! Finalmente, saiu o novo álbum de Alicia Keys!
Pinterest

aliciahere

Finalmente, chegou o grande dia do lançamento do tão esperado sexto álbum de estúdio de Alicia Keys! “Here”, contém 16 faixas, incluindo as canções “The Gospel”, “Pawn It All”, “Blended Family” e “Holy War”, além de mais duas faixas bonus, “Hallelujah” e “In Commom”.

“HERE” é uma carta de amor sonora para os diversos sons de Nova York. O álbum de 16 faixas foi amplamente produzido por um coletivo criativo de Alicia chamado de “os ILLuminaries.”

“Nós vivemos juntos”, diz a cantora em suas sessões no “The Oven Studios”, seu estúdio pessoal em Nova York. Era “apenas nós quatro: eu própria, Mark Batson, um dos pianistas e instrumentistas de sempre… e Harold Lilly, um escritor realmente incrível do Sul. Ele nasceu na Virgínia e tem essa energia emocional do Sul, e então meu marido, Swizz (Beatz), que é 100% Bronx, NY, e batidas, ritmo, combustão de energia espontânea!”

Há faixas pessoais e íntimas como “Blended Family”, uma ode à família moderna de Alicia e Swizz Beatz, o seu próprio mosaico. “Nós realmente nos reunimos de uma maneira tão bela para nos apoiar uns aos outros, e ensinar nossos filhos que a vida é sobre o amor… e que a família não tem definição, exceto o amor”, diz Alicia, que compartilha dois filhos, Egypt, 6 e Gênesis, 1, com Swizz, que tem três filhos de relacionamentos anteriores.

“Somos ensinados em nossos contos de fadas que é a mamãe e o pai, e o irmão e a irmã, e o cãozinho e a cerca… mas há uma variedade bonita”.

E assim como as estruturas familiares variam, também o fazem os antecedentes e as crenças. É parte da condição humana, que Keys reflete em canções políticas como “Holy War”.

A idéia era “se a guerra é sagrada e o sexo é obsceno, então o teremos retorcido”, explica Alicia. “Mas e se o sexo fosse santo e a guerra fosse obscena, e se fosse isso?”

De certa forma, o single é emblemático do tema abrangente do álbum: “É uma contemplação de quem somos e como realmente podemos escolher quem queremos ser. Queremos construir muros e ter todo aquele medo ou queremos quebrar essas paredes e sentir alguém? Sabe, agimos como se as coisas só pudessem ser negativas. Podemos continuar a crescer e ser mais aceitos e compreensivos.Todos somos obras em progresso, todos nós”.

Isso inclui Alicia, que lentamente começou a mostrar a verdadeira Alicia (Alicia Augello Cook). Ela está tirando a maquiagem, está ficando mais franca em sua música, e ela está se conectando com os fãs através de um novo meio, The Voice.

“É realmente a primeira vez na minha vida que eu estou 1.000% aqui na minha pele, no mundo, na minha experiência pessoal neste mundo”, disse Alicia. “Sou muito grata, eu vim para um lugar onde eu possa ser vulnerável, e honesta, e crua, e eu mesma, e falar sobre isso e não me segurar, e não torná-lo perfeito e bonito.”

Antes do lançamento, o Canal BET, da rede norte-americana exibiu o show de Alicia gravado na Times Square, direto de Nova York, com a participação de John Mayer, NAS, Questlove, Q-Tip, e Jay-Z. Alicia lançou também um documentário de 22 mins intitulado “The Gospel”. A produção conta com seis canções do novo álbum e aborda cenas de Nova York com as pessoas negras.

Para comprar o álbum acesso a pagina oficial: here.aliciakeys.com ou através do ITUNES APPLE:

Assista aqui o documentario “The Gospel”

TRACK LIST DO ALBUM HERE
1. The Beginning (Interlude)
2. The Gospel
3. Pawn It All
4. Elaine Brown (Interlude)
5. Kill Your Mama
6. She Don’t Really Care
7. Elevate (Interlude)
8. Illusion Of Bliss
9. Blended Family (What You Do For Love)
10. Work On It
11. Cocoa Butter (Cross & Pic Interlude)
12. Girl Can’t Be Herself
13. You Glow (Interlude)
14. More Than We Know
15. Where Do We Begin Now
16. Holy War
17. Hallelujah
18. In Common

Fonte – USATodasy

Pinterest